Estou grávida e agora? 3 dicas essenciais

Gravidez / 13 Junho, 2018
estou-gravida-ate-as-estrelas

A sensação de saber que estamos grávidas e temos uma pequena vida dentro de nós é tão complicada de explicar… Quando nós soubemos foi um misto de emoções… eu tanto dizia “mas isto é mesmo verdade?” como também dizia “isso deve estar errado”, como também dizia “ainda continua positivo?”. O que é certo é que demorou um bocado até cair a ficha… só conseguimos acreditar que efectivamente estava grávida quando fizemos a ecografia às 8 semanas.

Como é que sabíamos que estava grávida? Quando tive o feeling que precisava mesmo de fazer o teste, andava com uma sonolência descomunal, cansava-me super depressa, andava com muitas dores no peito (imensas, mesmo!) e já tinha um atraso da menstruação de 7 dias. A questão de ter esperado 7 dias é que como andava com a minha menstruação completamente alterada e já tinha acontecido anteriormente um atraso de 5 dias, não nos queríamos agarrar a esperanças ou sintomas.

Fazendo uma pequena contextualização: depois de descobrir que estava grávida continuei a trabalhar, só que comecei a ter pequenas manchas castanhas (faziam lembrar a menstruação quando estava a chegar) e tinha umas dores horríveis no fundo da barriga. Após ter passado por umas semanas de stress por não saber o que se passava e não conseguir encontrar a devida ajuda, encontrei uma médica impecável que confirmou que aquelas dores e manchas estavam a ser provocadas por um descolamento da placenta, já tinha cerca de 8 semanas… (irei fazer um post a falar mais detalhadamente sobre este tema).

Agora que expliquei por alto o que aconteceu, gostava de partilhar convosco algumas das dicas que gostava que me tivessem dito antes de ter engravidado!

Análises & Consulta de Planeamento Familiar

Antes de tudo, façam analises com regularidade pois ajuda na prevenção de muita coisa! Caso isso não seja possível (por diversas razões), assim que começarem a pensar em tentar engravidar têm de ir assim que possível ao vosso centro de saúde e marcar uma consulta de planeamento familiar. Nessa consulta o médico vai informar do que vocês têm de fazer, vai pedir exames e análises para saber como anda o vosso corpo e claro, esclarecer dúvidas que tenham (por exemplo sobre a toma da pílula).

Com os resultados certinhos, o médico conseguirá saber se é necessário tomarem vitaminas, fazerem algum tipo de alteração na alimentação por existirem determinados valores alterados e claro se podem ou não iniciar os treinos. 😋

Caso não tenham médico de família, tentem pedir/ir a uma consulta dos sem médico assim que possível… basicamente foi o que eu fiz.

Consulta de Saúde Materna

Após saberem que estão grávidas, façam logo o teste de sangue beta-HCG (bhcg). Assim, para além de uma certeza viável, com a análise conseguem também ficar a saber mais ou menos entre quantas semanas é que estão grávidas, devido à presença da hormona. O exame pode ser feito em clínicas privadas e pagam o valor do exame por inteiro, como podem pedir no centro de saúde (usando a consulta dos sem médicos).

Após confirmação pelo bhcg, peçam logo uma consulta de saúde materna! E quando digo que é logo, é mesmo logo! Os centros de saúde estão com um “tempo de espera” para estas consultas enorme! E se numa eventualidade acontecer algo (greves, o médico faltar, ou com vocês mesmo) irá ser mais complicado!

Nessa primeira consulta, para além da informação que a médica dá, peçam também a isenção (os exames e análises não são pagos) e peçam os vossos cheques-dentista.

Dando o meu exemplo: a minha primeira consulta de saúde materna irá ser no dia 28 de Junho… e nessa altura já estou no segundo trimestre. “O que aconteceu?”, perguntam vocês. Quando marcaram a primeira vez foi a greve de dois dias e nesta segunda tentativa a médica faltou… e os centros de saúde não estão a ter resposta para as necessidades da população.

Caso tenham a possibilidade de ir a um privado (usando os seguros de saúde, por exemplo), melhor! São melhor acompanhados e as coisas são feitas de outra maneira, com calma. Como é óbvio, nem todas as pessoas podem e têm que se sujeitar ao SNS.

gravidez-8-semanas

Não tenham medo de ouvir o vosso corpo

Sempre ouvi o meu corpo, ele dá sinais de quando algo não está bem. E nós só temos que o saber ouvir. Acreditem ou não, se eu não tivesse ouvido o meu corpo na altura em que estava com dores horríveis, em que tinha aquelas pequenas manchas… e se tivesse feito o que a primeira médica me mandou (continuar a trabalhar), já teria perdido o bebé. 😱

Portanto, se vocês sentirem que algo não está bem, que é mesmo fora do normal, não tenham medo de ir ao médico! Se existem pessoas que vão ao hospital porque comeram demasiados Cheetos, porque é que nós não podemos ir se sentimos que algo não está bem?

Estas três dicas são um pouco daquilo que eu senti que precisava de saber antes de engravidar, teriam ajudado mil. 😋

Por curiosidade: Quando vocês estiveram grávidas, qual é que era a dica que gostavam que vos tivessem contado?

És Capaz de Gostar Disto:

12 Comentáros

  • Responder Blogue Ela e Ele, Ele e Ela 13 Junho, 2018 at 19:41

    Vamos querer mesmo muito acompanhar estas tuas histórias, mas ficamos realmente muito tristes que não tenha corrido bem de início. Mas vais ver que foi só um motivo para férias que sirvam para te dedicares à menina. Achamos que vai ser menina. Ficam as apostas lançadas.
    Uma vez mais, o que pudermos ajudar, conta connosco! Força! Tudo vai correr bem!

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:22

      Hahahaha eu já perdi a conta ao número de pessoas que acha que é uma menina! 😀
      É verdade, foi um início muito atribulado mas estamos a fazer de tudo para que agora seja algo calmo e bem engraçado!
      Agradeço imenso a vossa mensagem e fico muito contente por vos ver por cá!

  • Responder Beatriz Couto 13 Junho, 2018 at 20:35

    Ohh que alegria. Desejo tudo de bom.
    Beijinhos

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:20

      Obrigada Beatriz! 😀

  • Responder Ana Ribeiro 14 Junho, 2018 at 14:41

    Parabéns e muita felicidades =)

    Gostei bastante deste post, muito pertinente e informativo.

    Beijinhos!

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:20

      Obrigada Ana! 😀
      E fico contente por ter conseguido passar essa mensagem, porque era exactamente isso que queria!

  • Responder Catarina Sofia 14 Junho, 2018 at 16:01

    Muitas felicidades minha linda!

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:19

      Muito obrigada Catarina! <3

  • Responder pirilamposemarte 14 Junho, 2018 at 16:18

    Adoreiiii ! Ao menos quando tiver grávida já tenho umas luzes haha

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:19

      Boa! O objectivo era mesmo esse 😀
      E que quando acontecer, seja tranquila ^-^

  • Responder Andreia Escobar 15 Junho, 2018 at 13:54

    Alos amiga,

    Primeiro que tudo adoro o GIF XD (chorei a rir), devia de haver mais posts destes do que é a realidade. Porque a gravidez não é um mar de rosas.

    Pode acontecer coisas que não estamos à espera, podemos nos odiar porque o nosso corpo sofre alterações, nem iremos receber milhoes de amostras (como vemos nos vlogs de malta XPTO).

    Parabens mais uma vez pelo amendoim nerd que vem aí

    Kisses

    • Responder filipa 17 Junho, 2018 at 20:16

      Eu também adorei o gif! É basicamente aquilo que imagino haha
      Exactamente e é nessa perspectiva que decidi partilhar. Até pq a população num geral não consegue sequer ter acesso a cuidados decentes.

      Obrigada pela mensagem Andreia! 😀

    Deixar uma resposta

    %d bloggers like this: